Audiodescrição

ACIC e Filmes que Voam capacitam pessoas cegas ou com baixa visão para atuar no mercado audiovisual

A Associação Catarinense de Integração ao Cego (ACIC), em parceria com a produtora Filmes Que Voam, vai realizar de 18 a 22 de fevereiro o Curso de Formação de Consultores em Audiodescrição. O curso é gratuito e acontecerá na sede da ACIC, em Florianópolis. Serão oferecidas 20 vagas para pessoas com deficiência visual que tem interesse em atuar como consultores em audiodescrição e cinco para pesquisadores e descritores de imagens. As inscrições poderão ser feitas a partir do dia 20 de janeiro aqui no site www.filmesquevoam.com.br

O curso, de introdução,  visa integrar futuros profissionais cegos ou com baixa visão com profissionais videntes,  apresentar as técnicas da audiodescrição e capacitar o aluno para atuar neste mercado de trabalho em crescimento. A área de atuação é vasta: filmes, séries, peças de teatro, shows musicais, festivais, materiais fotográficos, obras de arte, exposições entre outros. A partir da formação, os alunos poderão compreender o papel do consultor de audiodescrição na indústria audiovisual e, a partir disto, buscar a profissionalização dentro desta indústria. Os profissionais da área são aqueles que criam e validam as versões de filmes, novelas e séries com audiodescrição.

As aulas serão ministradas pelo audiodescritor consultor Felipe Mianes, graduado em História, Mestre e Doutor em Educação, que tem uma vasta experiência em audiodescrição, além de ministrar cursos na área. Ele atuou como consultor de diversos produtos como o filme “Teu mundo não cabe nos meus olhos”, o espetáculo de dança “Não me toque estou cheia de lágrimas”, a peça de  teatro “Pois é, vizinha”, a exposição fotográfica “Sombras e lugares”, entre outros. Juntamente com ele estará a audiodescritora Márcia Caspary, especializada em narração, e a equipe da produtora Filmes Que Voam, referência em acessibilidade na indústria audiovisual. Além das aulas expositivas, os alunos terão atividades práticas e uma visita técnica a um estúdio de gravação.

O curso terá 40 horas de duração. Os participantes que cumprirem pelo menos 80% da carga horária receberão certificados. As vagas serão preenchidas por ordem de chegada a partir do dia 20 de janeiro, data da abertura das inscrições. O curso é resultante do Edital de Chamamento Público 001/2016 – Seleção de Projetos Culturais da Fundação Catarinense de Cultura.

Pré-requisitos para inscrição:

  • ensino médio completo
  • domínio da Língua Portuguesa falada e escrita
  • conhecimentos básicos de informática – edição de texto, envio e recebimento de e-mail e navegação na Internet)
  • interesse por cinema, séries e novelas
  • será necessário preencher um termo de uso de imagem, pois o curso será gravado e disponibilizado gratuitamente na internet.

PROGRAMAÇÃO

Segunda-Feira (18 de fevereiro de 2019)

Apresentação; O que é a audiodescrição; Histórico da audiodescrição no mundo e no Brasil;  Políticas públicas e legislação em acessibilidade (ênfase em AD); Diretrizes de AD no Brasil e no Mundo

Terça-feira (19 de fevereiro  de 2019)

Conceitos e Elementos básicos do Cinema;Quais são os tipos de Audiodescrição; A equipe de audiodescrição; Qual é o papel do Audiodescritor Roteirista na AD de Filmes; Qual é o papel do Consultor na AD de Filmes; Audiodescritor e a narração

Quarta-feira (20 de fevereiro  de 2019)

Audiodescritor e a produção/divulgação; Audiodescrição de imagens estáticas; Filme com AD – Longa metragem; Filme com AD – curta metragem; Elaboração de roteiros de AD; Passos para tornar um filme acessível (Locução, Edição, Distribuição, etc)

Quinta-feira (21 de fevereiro de 2019)

Narração de filmes; Atividades práticas: produção de roteiro, revisão e gravação; Visita a estúdio – Gravação de roteiro.  

Sexta-feira (22 fevereiro de 2019)

Edição de roteiro gravado; Apresentação e avaliação das atividades práticas; Encerramento.

Realização: ACIC, Filmes que Voam, FCC - Governo do Estado de Santa Catarina

Comentários

comentários